Feeds:
Posts
Comentários

Anúncios

Visitem o novo site do Caçamba:

coletivocacamba.wix.com/coletivo

Contatos

Contatos

+55 11 95470-4777   Beatriz Natália

+55 11 98095-4615   Leila Bana

Serviços Fotograficos: Books, tratamento de imagens, montagem, impressão, ensaio sensual, festas, casamentos, eventos sociais e empresariais.

Contrate o coletivo CAÇAMBA

coletivocacamba@hotmail.com

+55 11 8095-4615 Leila Bana

+55 11 7279-2453 Beatriz Natália

Novidades

Olá a todas e todos,

O Ano realmete começou para nós, depois de merecidas e demoradas férias
o Coletivo Caçamba volta as atividades com força total!
Nossa meta é investir em vídeos,registros de eventos,vídeorreportagens,
documentários e vídeoclips.
Não deixem de visitar nossa página de vídeos, lá estão todos
(ou a maioria) de nossos trabalhos e portfólios.
Faça um orçamento conosco e descubra que podemos oferecer muito com
simples ideias!

Obrigada
Beatriz Natália
Coletivo Caçamba
coletivocacamba@hotmail.com

Design: Henrique Sawaki

Neste domingo, 19 de setembro, acontece mais uma edição da Pílula de Cultura Feira Preta na Associação Cultural Casa das Caldeiras.

O tema dessa edição é o Samba Rock e terá em sua programação oficina de dança com o professor Moskito, intervenção musical do Projeto Vitrolas, exibição de filmes, roda de conversa e a 2ª eliminatória do Preta in Festival, com as apresentações de Fabio Diamante, Poder de Pensar, Rateio e D’ Quebrada.

O Coletivo Caçamba, é claro, estará presente para registrar mais esse evento. Para ver o que aconteceu nas outras edições é só dar uma conferida na nossa página de vídeos.

A Casa das Caldeiras fica na Av. Francisco Matarazzo, 2.000 – Água Branca (Metrô Barra Funda), o evento começa às 16h e a entrada é gratuita.

Um dos integrantes do Coletivo Caçamba está a uma temporada trabalhando com o grupo Tablado de Arruar apresentando a peça “Helena Pede Perdão e é Esbofeteada”. O grupo já percorreu vários estados com a peça, entre eles Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, entre outros.

A peça, com dramaturgia de Alexandre Dal Farra e direção geral de João Otávio, mistura recursos comuns ao melodrama e às telenovelas. Não é à toa, portanto, que o título seja, por si só, uma sinopse. O arrependimento e a violência contidos em “Helena Pede Perdão e é Esbofeteada” já constituem uma apropriação do grupo Tablado de Arruar tanto dos anúncios rocambolescos que povoam o universo televisivo quanto dos letreiros brechtianos que antecedem as cenas.

Além disso, neste espetáculo, o foco de investigação do grupo recai na busca por uma linguagem violenta e destrutiva, à altura do dia-a-dia atual de metrópoles como São Paulo. Para tal, o grupo articula à ambientação cênica nas ruas, outras mídias e manifestações artísticas, como o vídeo, a música e as artes plásticas. Este entrelaçamento de linguagens é realizado para contar a história de Helena e seu marido, que tem a sua casa invadida por outro casal. A convivência dos dois casais é o mote para inúmeros conflitos e jogos cênicos que tratam de tematizar os limites e as contradições de um mundo movido pela violência e pelo terrorismo.

Devido ao sue sucesso, a peça foi prorrogada até o dia 14 de agosto.

Últimas apresentações:

13/08/10 – Praça da Liberdade

14/08/10 – Largo Santa Cecília

Horário: 16h

Grátis.